O momento atual pode parecer impróprio para o lançamento de um carro cuja maior novidade é o motor bicombustível. Afinal, a entressafra da cana-de-açúcar fez com que os preços do etanol disparassem, tornando a gasolina mais vantajosa em todo o território nacional. Ocorre que, apesar de irônica, a situação não deverá prejudicar o Soul Flex, já que a diferença de valor entre os dois combustíveis tende a voltar ao normal nos próximos meses.

O motor flex não é exatamenteinédito para o Kia Soul: a versão bicombustível já havia sido mostrada para o público durante o último Salão do Automóvel de São Paulo, em outubro passado. Só agora, contudo, o carro foi lançado oficialmente. Trata-se do primeiro veículo sul-coreano capaz de rodar com etanol ou gasolina.

O motor 1.6 do Soul ficou mais forte quando abastecido com o combustível vegetal. São 130 cv com etanol e 126 cv gasolina, ambos às 6.300 rpm, enquanto o torque ficou em16 mkgf às 5.000 rpm e 15,7 mkgf às 4.500 rpm, respectivamente. As opções de câmbio continuam variando entre a caixa manual de cinco velocidades ou a automática de quatro. A segunda, porém, passou a oferecer a possibilidade de trocas seqüenciais.

A Kia também modificou pequenos detalhes no Soul. O quadro de instrumentos tem novo grafismo e o painel recebeu ar-condicionado digital, enquanto as maçanetas externas deixaram de ser embutidas e aderiram ao estilo “alça”.

Preços da linha 2011:

Kia Soul flex 1.6 manual: R$ 52.900
Kia Soul flex 1.6 automático: R$ 63.900

Fotos: Kia/Divulgação

Acompanhe também o Auto Segredos pelo Twitter

Quer equipar seu auto? Compare os preços antes no indiCAuto Auto Peças Online!