Na última semana o CEO mundial da General Motors, Dan Akerson, esteve no Brasil para apresentar o Onix, e daqui seguiu para a Argentina. O executivo se reuniu com a presidente Cristina Kirchner para anunciar um investimento de 450 milhões de dólares na fábrica argentina de Rosário, onde hoje são fabricados Agile e Classic. Esta verba será usada para viabilizar a produção de um novo Chevrolet, fruto do chamado “Projeto Fênix”.

Segundo Akerson, o Fênix usará plataforma global (a GSV, provavelmente) em um novo segmento e será maior, mais caro e contará com mais tecnologia que Classic e Agile – como se isso fosse muito difícil…-, e chegará ao mercado em 2015.

Difícil ainda afirmar do que se trata o Chevrolet Fênix. Poderia ser um substituto para o Agile – que como muitos sabem é um modelo temporário – se não tivessem adiantado que ele não substitui nenhum modelo fabricado na Argentina.

Palpites?

Fonte | Autoblog Argentina
Foto | Henrique Rodriguez/Autos Segredos

Acompanhe também o Auto Segredos pelo Twitter

Curta o Autos Segredos no Facebook!