flagra_carroceria_picape_1Como adiantamos no fim de novembro, a Fiat já recebe as primeiras carrocerias definitivas de sua nova picape. Os protótipos com o visual final começarão os testes de rodagem nas próximas semanas e nós do Autos Segredos ficaremos de olhos bem abertos. Por enquanto, a fábrica de Pernambuco ainda não está apta a montar os protótipos da picape do Projeto 226, por isso as carrocerias da picape estão sendo produzidas na fábrica da Iveco, em Sete Lagoas (MG).

flagra_carroceria_picape_2A versão de entrada da 226 será equipada com o motor 1.8 E.torQ EVO que terá aumento de potência e torque. Os câmbios para o E.torQ EVO serão o manual de cinco velocidades e o automático de seis, e a tração sempre será 4×2. Já as versões topo de linha ganham opção de tração 4×4 e serão equipadas com o motor 2.0 turbo diesel MultiJet II, que rende 170 cv e 35,7 kgfm de torque. Nesse caso, o câmbio será o automático de nove marchas. O motor 2.4 já usado pelo Freemont está cotado para ser usado na picape, porém, a princípio ele é destinado para outros mercados.

O visual da picape foi revelado em projeção publicada pelo Autos Segredos no dia 26 de novembro (veja aqui). O modelo irá estrear num novo segmento de picapes que ficará acima das compactas e abaixo das médias. A nova categoria será inaugurada pela Renault com a picape Oroch derivada do Duster.

A picape construída em monobloco – como a Honda Ridgeline e a futura picape Oroch, derivada do Renault Duster – terá porte das antigas Chevrolet S10 e Ford Ranger. É algo como entre-eixos de 2,80m, largura de 1,94m, altura de 1,6m e comprimento na casa dos 5m.

Fotos | Marlos Ney Vidal/Autos Segredos