Derivado da primeira geração do sedã, lançada em 1997, Siena EL dá adeus ao mercado
fiat_siena_el_2
Em 2012, o Siena EL passou por sua última mudança visual quando ganhou novo para-choque

O Fiat Siena EL já não é mais produzido, desde março, os concessionários já não podem fazer pedidos para o veterano sedã. Consultada, a Fiat confirmou ao Autos Segredos que o modelo foi descontinuado. No site oficial da marca ele ainda está “vivo”, pois, ainda restam algumas unidades nos pátios das revendas. Apesar de já não produzir Bravo, Idea, Linea e Siena EL, o sedã é o único modelo que teve sua “morte” confirmada.

fiat_siena_el_1997_1
Fiat Siena estreou no mercado brasileiro em 1997

O Siena EL era derivado da primeira geração do sedã lançada em 1997. Apesar das várias reestilizações feitas aos longos de seus 19 anos de produção, a carroceria era a mesma desde seu lançamento. Ao todo sedã passou por três reestilizações mais profundas (2000, 2004, 2007) e uma quarta realizada em 2012, em que o sedã teve somente o para-choque dianteiro redesenhado.

fiat_siena_fire
Primeira mudança visual do Siena foi feita no ano 2000. Em 2003, a versão Fire ganhou motor flex

Quando foi lançado em 1997, o sedã era o patinho feio da família Palio, mas, depois da reestilização feita no ano 2000, o sedã começou a cair no gosto do consumidor.  A partir da terceira reestilização, em 2007, quando o modelo ganhou lanternas inspiradas nos modelos da Alfa Romeo, o Siena caiu de vez no gosto do consumidor.

Porém, com a chegada da nova geração do sedã em 2012, quando recebeu o nome de Grand Siena, o sedã antigo foi perdendo espaço. Com a retração do mercado, as vendas da opção EL já não justificavam a continuidade de sua produção. Nos últimos anos, o Siena EL era comercializado com os motores 1.0 e 1.4 Fire.  A opção 1.0 EL era vendida por R$ 36.800 e a 1.4 EL por R$ 39.610.

fiat_siena_elx_2
Segunda mudança visual foi realizada em 2004

Em 2004, o Siena ganhou motor 1.4 Tetrafuel que era movido por gasolina, etanol ou gás natural veicular. Em 2010, o sedã ganhou a versão Sporting que foi produzida de 2010 a 2012.

Ao longo de seus 19 anos de produção, o Siena teve quatorze versões, seis opções de motor e três de câmbio.

fiat_siena_tetra_fuel_1
Na terceira reestilização, em 2007, o sedã mudanças na dianteira, traseira e laterais

Confira abaixo todas as opções de motor e versões do Siena:

  • Versões: 6 Marchas, 1.5, EX, Fire, ELX, HLX, HLX Dualogic, EL, Tetrafuel, Essence, Essence Dualogic, Sporting, Sporting Dualogic e Attractive
  • Fiat Siena 6 Marchas (1999-2000) – Motores: 1.0 (gasolina)
  • Fiat Siena 1.5 (2003-2004) – Motores: 1.5 (etanol)
  • Fiat Siena EX (2003-2004) – Motores: 1.3 16V (gasolina) 1.8 (gasolina)
  • Fiat Siena Fire (1999-2012) – Motores: 1.0 (gasolina) 1.0 (gasolina/etanol)
  • Fiat Siena ELX (2001-2010) – Motores: 1.0 (gasolina) 1.0 16V (gasolina) 1.0 (gasolina/etanol) 1.3 (gasolina) 1.3 16V (gasolina) 1.3 (gasolina/etanol) 1.4 (gasolina/etanol) 1.5 (gasolina) 1.6 (gasolina) 1.8 (gasolina)
  • Fiat Siena HLX (2004-2010) – Motores: 1.8 (gasolina/etanol)
  • Fiat Siena HLX Dualogic (2010) – Motores: 1.8 (gasolina/etanol)
  • Fiat SienaTetrafuel (2006-2012) – Motores: 1.4 (álcool hidratado; gasolina brasileira – com 25% de etanol – gasolina pura e Gás Natural Veicular) 1.4 EVO (gasolina/etanol)
  • Fiat Siena Essence (2010-2012) – Motores: 1.6 16V E.torQ (gasolina/etanol)
  • Fiat Siena Essence Dualogic (2010-2012) – Motores: 1.6 16V E.torQ (gasolina/etanol)
  • Fiat Siena Sporting (2010-2012) – Motores: 1.6 16V E.torQ (gasolina/etanol)
  • Fiat Siena Sporting Dualogic (2010-2012) – Motores: 1.6 16V E.torQ (gasolina/etanol)
  • Fiat Siena EL (1996-2000/2010-2016) – Motores: 1.0 (gasolina/etanol) 1.4 (gasolina/etanol)

No site da Fiat, o histórico de produção do modelo está atualizado somente até 2013. De 1997 até 2013, o Siena teve 1.051.082 unidades vendidas e 831.876 unidades produzidas no Brasil. Vale ressaltar, que durante alguns anos o modelo também foi produzido na Argentina.

[photomosaic]

Fotos | Fiat/Divulgação