O presidente e CEO da Mazda na América do Norte, Masahiro Moro, descartou o retorno da operação do japonesa no Brasil. O executivo afirmou, em entrevista exclusiva ao AutoPapo, que a fabricante chegou a estudar o retorno, mas desistiu depois de considerar diversas possibilidades.  “Primeiro, pelos altos impostos cobrados pelo governo brasileiro. Segundo, pelas dificuldades para estabelecermos uma fábrica no país”, detalhou Moro.

Foto | Mazda/Divulgação