Totalmente novo, o Kia Picanto 2012 começa agora a ser vendido no Brasil sob forte expectativa da marca. Também pudera. Agora com design atraente, um pouco maior e com motor flex o subcompacto da Kia deverá conquistar mais 6.000 proprietários brasileiros até o fim deste ano, e mais 18.000 em 2012.

Embora a cor de lançamento do modelo mostre o contrário, o Kia Picanto está mais maduro, graças às linhas mais musculosas e também aerodinâmicas, acompanhando o estilo dos últimos lançamentos da Kia. Desta forma a montadora coreana também pretende conquistar o público masculino.

Agora com 3,6 metros, o comprimento do veículo ficou 60 mm maior e a distância entreeixos cresceu 15 mm, e o visual do interior passa a impressão de o carro ser mais amplo do que realmente é. Mais espaçoso e moderno, a parte interna mantém a qualidade vista em carros mais caros, como o Cerato. Destaque para o belo volante.O motor também é destaque. Mesmo com três cilindros, o motor 1.0 12v flex do Picanto é o mais potente e um dos mais modernos do mercado. Ele gera  80 cavalos e 10,2 kgfm de torque máximo, com transmissão mecânica de 5 marchas e automática de 4.

No Brasil, o Kia Picanto 2012 estará disponível em quatro versões – todas estarão nas lojas dentro de pouco tempo. A versão de entrada do novo Picanto [cód. 318], com câmbio manual, airbag, freios a disco ventilados nas rodas dianteiras e tambor nas traseiras, direção elétrica progressiva, ar condicionado manual, rádio com controle no volante, faróis de neblina, vidros elétricos e abertura “one touch” para o motorista, rodas de liga de 14 e espelho retrovisor externo com acionamento elétrico e setas em LED tem preço sugerido de R$ 34,9 mil. Com essa configuração, mas com transmissão automática [cód. 368], o Picanto custa R$ 39,9 mil.E como topo de linha estão as versões dos códigos 320 e 370, que trazem, ainda teto solar, airbags lateral e de cortina, iluminação nos espelhos do para-sol e lâmpadas LED nos faróis dianteiros e traseiros e os benditos freios ABS, aos preços de R$ 39,9 mil [mecânico] e R$ 44,9 mil [automático].

Agora a disputa é com  o Fiat 500, que também espera ter entre 1.000 e 1.500 unidades emplacadas por mês.

Fotos | Kia/divulgação

Acompanhe também o Auto Segredos pelo Twitter