A Citroën está diposta a alçar voos mais altos no Brasil. O fabricante prepara uma grande ofensiva para lançar novos produtos em paridade com os modelos comercializados na europa. No segundo semestre chegam o belo C3 Picasso em sua versão normal e numa inédita versão aventureira. Os modelos são frutos do projeto AI5X e dele além da minivan sairão o novo C3, uma inédita versão sedã e um picape também está em estudos. O hatch e seus derivados deverão chegar somente em 2011 em di ante.
Por enquanto o C3 Picasso circula camuflado nas estradas de Resende, conforme o flagra do blogueiro Diogo Dias do CarsDias. Entretanto, para matar um pouco a curiosadade de todos o Autos Segredos em parceria com o CarsDias, Queiroz Design e o Garagem do João publicam projeções de como será a cara dos novos modelos do fabricante de origem francesa. As projeções foram feitas pelo Yuri Queiroz e pelo João Kleber Amaral.

A versão nacional não será idêntica ao modelo europeu, no geral as linhas serão as mesmas, porém, a versão normal do C3 nacional ganhará um novo para-choque com duas enormes entradas de ar protegidas por telas que parecem colmeias em formato maior, já na versão europeia a proteção são frisos horizontais e verticais. Já os farois são idênticos, assim como o farol de neblina que ficam na mesma posição, só que abrigados de forma diferente.

Na traseira a tampa traseira segue o mesmo formato da europeia, ganhando somente recortes um pouco maiores no encontro com o para-choque. A lanterna mantém o mesmo formato, tendo somente desenho interno diferenciado, já o farol de neblina está um pouco maior. O para-choque é diferente sendo que o nacional recebeu um aplique na parte central inferior.

Já a versão aventureira o destaque fica pelos apliques de plástico nas laterais e nos para-lamas e o estepe que ficará pendurado na traseira, sendo que o suporte é parecido com o usado pelo Fiat Idea Adventure. Já a dianteira será praticamente a mesma da versão normal.
O modelo será equipado com o propulsor 1.6 16V que rende 110CV com gasolina e 113Cv quando abastecido com álcool

No interior muda tudo em relação ao europeu já que o nacional não terá o quadro de instrumentos no meio do painel, sendo que esses estão acoplados atrás do volante. A alavanca de câmbio não ficará no alto do painel como no modelo europeu e sim no lugar habitual. O modelo ainda terá clinômetros no estilo da família aventureira da Fiat.
Fotos Diogo Dias/CarsDias e Projeções Yuri Queiroz/Queiroz Design e João Kleber Amaral/Garagem do João