A Chana foi a primeira marca chinesa a desembarcar no Brasil. No já distante ano de 2006, a empresa dava o ar da graça no Salão do Automóvel de São Paulo. De lá pra cá a linha de modelos do fabricante não mudou muito, sendo composta basicamente por utilitários leves cargo, Family e Star. A partir do ano que vem, porém, a história deverá mudar, com a chegada do CX20, um crossover com toques de monovolume e SUV. A informação foi divulgada em primeira mão pelo jornalista Ricardo Couto, do site Carsale.

O pacote de equipamentos é completo e inclui duplo airbag, freios ABS com EBD, faróis de neblina, vidros, travas e espelhos retrovisores elétricos, sistema de som com leitor MP3, direção hidráulica e ar-condicionado. O veículo será vendido com o emblema da Changan, divisão de automóveis do mesmo grupo empresarial que detém a marca Chana.

Nas fotos, o CX20 aparenta ser maior do que realmente é. Em metros, o modelo tem 3,90 de comprimento, 1,70 de largura e 1,57 de altura. No país de origem, o motor é um 1.3 16V com potência de 63 cavalos e torque de 11,2 mkgf. O câmbio pode ser manual de cinco velocidades ou automático de quatro.

Fonte | Carsale

Fotos | Changan/Divulgação

Acompanhe também o Auto Segredos pelo Twitter