chama_suvsO mercado em baixa não afeta os planos dos fabricantes automotivos, alguns dos projetos já estavam em andamento anos antes da queda nas vendas ocorrida em 2015. Assim, como no segmento de picapes, sedãs e hatches a categoria de SUVs (compactos e médios) contará com muitas novidades neste ano. Ao todo serão onze lançamentos entre novos modelos e reestilizações.

#JuntosPeloMatheus   –  O Autos Segredos convida seus leitores a ajudar o Matheus   –    https://www.facebook.com/juntospelomatheus/timeline

jac_t6_2

JAC T5

A primeira promessa do ano é o T5 da chinesa JAC Motors. O SUV compacto chegará em março. Segundo o fabricante o modelo terá preços entre R$ 59 mil a R$ 72 mil. O T5 chegará importada da China.

No lançamento o modelo chegará com câmbio manual e em agosto fará a estreia do câmbio automático do tipo CVT. O T5 será equipado com o motor 1.5 16V VVT Jet Flex. O SUV chinês tem 4,325 metros de comprimento e 2,56 m de distância entre-eixos.

toyota_hilux_Sw4

TOYOTA SW4

Também previsto para março é a nova geração do Toyota SW4 deverá ser uma das primeiras novidades do ano. O modelo já está em produção na fábrica da marca na Argentina.

A  nova geração da Hilux SW4 terá visual diferenciado em relação a picape. O SUV da Toyota o SUV terá uma frente mais esportiva, com faróis mais finos e a grade dianteira um pouco menor.

Na traseira, as lanternas também seguirão a nova identidade visual e o formato lembrará as do irmão menor RAV4. A placa de identificação ficará na tampa, um pouco abaixo das lanternas. Assim como na dianteira, o para-choque também terá proteção na parte inferior.

O SW4 chegará num primeiro momento somente com a motorização diesel, as versões flex chegarão no segundo semestre. O SUV deverá ser lançado somente na versão SRV equipada com o novo motor 2.8 diesel que rende 177cv de potência e torque de 45,9kgf. O câmbio será o automático de seis velocidades e a tração 4×4.

suzuki_vitara_6

SUZUKI VITARA

Em testes no Brasil desde de julho de 2015 quando publicamos o primeiro flagra do modelo. A nova geração do Suzuki Vitara deverá fazer sua estreia no mercado nacional ainda no primeiro semestre.

O Vitara será equipado com o motor 1.6 movido a gasolina que rende 120cv de potência e toque de 15,9kgfm. O câmbio será o automático de seis velocidades.

A nova geração do Vitara foi apresentada em outubro no Salão de Paris. Nesta nova geração o modelo tem a seção inferior da grade em formato trapeidozal, enquanto a superior conta três filetes. Dependendo da versão ela pode ser cromada. Os faróis estão mais finos e há luzes diurnas de LED´s e faróis auxiliares alojados nas extremidades do para-choque.

Já a traseira conta com lanternas que invadem a tampa do porta-malas e que são bem parecidas com as do irmão S-Cross.

Nesta nova geração o SUV conta com tração nas quatro rodas de série para todas as versões.  O Vitara também vem equipado com quatro modos de condução (Auto, Sport, Neve e Bloqueio). O modelo ainda tem piloto automático adaptativa (ACC), aviso de colisão frontal e sistema de frenagem autônoma.

novo_ford_ecosport

FORD ECOSPORT

A Ford aposta na reestilização do ex-líder na categoria de SUVs compactos para que o EcoSport volte a ter dias melhores no mercado nacional. O modelo será lançado no primeiro semestre de 2016 como Autos Segredos antecipou em abril de 2015. A maior mudança no visual externo está na dianteira, que ganhará linhas inspiradas na nova geração do Ford Edge. Capô, para-choque, faróis e para-lamas foram redesenhados, assim como a grade dianteira será filetada.

Na traseira, somente para-choque será trocado. As lanternas terão novo desenho, mas mantendo o formato atual. Recentemente, a marca mostrou na Europa uma versão do SUV sem o estepe  pendurado na tampa do porta-malas. Porém, apuramos que o modelo nacional manterá o estepe pendurado do lado de fora.

MOTOR O EcoSport reestilizado marcará a chegada do novo motor 1.5 de três cilindros da marca. O propulsor será o substituto do Sigma 1.6. As versões de entrada contarão com o motor 1.5 e as topo de linha continuam com o 2.0 atual.

O novo motor é da família Dragon e é baseado no 1.5 turbo do Fusion. O propulsor terá potência próxima aos 130cv do Sigma 1.6. De acordo com as fontes consultadas o motor de três cilindros é melhor que o de quatro, pois 500cm3 é o volume ideal para o funcionamento de um motor de quatro tempos. Com menos peças móveis, ele é mais barato de se produzir, sem falar que é mais leve e econômico.

[photomosaic]

ford_edge

FORD EDGE

Apresentada como conceito no Salão do Automóvel de São Paulo de 2014 a Ford marca para o primeiro semestre a chegada da nova geração do SUV médio Edge. Essa nova geração começou a ser vendida nos Estados Unidos no começo de 2015.

No Brasil utilizará a mesma motorização de V6 de 3,5 litros e 289 cv já conhecida na primeira geração.

nissan_kicks_concept_5

NISSAN KICKS

Patrocinadora das Olimpíadas do Rio’ 2016, a Nissan quer que o SUV Kicks seja uma das estrelas do evento. A marca não quer perder a grande vitrine do evento, por isso, o a versão de produção do SUV chegará primeiramente importada do México como o Autos Segredos antecipou em setembro. Oficialmente, a Nissan afirma que o Kicks é um conceito e não há produção confirmada. O projeto de produção no Brasil está bem atrasado. O SUV com fabricação nacional só chegará ao mercado em 2017.

O Kicks fabricado em Aguascalientes será equipado com motor 1.8 flex e contará com opções de câmbio manual e automático do tipo CVT. Este conjunto mecânico também será usado no modelo nacional.

O conceito apresentado no Salão do Automóvel de São Paulo do ano passado está com linhas bem mais próximas da versão de produção. Aliás, o Kicks estará alinhado com a nova identidade visual da marca. O SUV também usará a plataforma V (de “versátil”) já usada pelos irmãos March e Versa.

projecao_grand_captur_nacio

RENAULT CAPTUR

Como publicamos em novembro a Renault começará a produzir o Captur nacional em junho. O Captur nacional usará base do Duster 4×4 que também é usada pela picape Duster Oroch. O modelo chegará ao mercado primeiramente com o motor 2.0 16v dos irmãos. No segundo semestre de 2016 O SUV ganhará o motor 1.6 da Nissan, o Captur será o primeiro modelo da Renault a usar no Brasil um propulsor de origem Nissan.  O Captur nacional terá a suspensão traseira multilink usada pelo Duster e pela Oroch.

A tração será sempre 4×2 para a versão 1.6 e para a motorização 2.0 o SUV terá opções 4×2 e 4×4.

Pelo maior tamanho o Captur nacional poderá contar com opção de sete lugares, além da convencional de cinco passageiros.

Além do maior tamanho em relação ao modelo europeu o Captur brasileiro chegará com visual reestilizado como mostram as projeções de Du Oliveira. A mudança visual inclui a troca do para-choque dianteiro, faróis e capô.

Internamente, apuramos que o modelo terá painel bem acabado e muito parecido com o do Fluence. O painel também será em plástico sensível ao toque como os do sedã.

novo-kia-sportage-2016-1-620x418

KIA SPORTAGE

A nova geração do Kia Sportage desembarcará no Brasil em junho. De acordo com a marca, o modelo representa o futuro do design da Kia, dando a entender que os modelos seguirão a mesma identidade visual, aproveitando linhas comuns e, principalmente, a frente.

O desenvolvimento da quarta geração do utlitário esportivo foi liderado pelo centro europeu de design da Kia, na cidade de Frankfurt, e tem forte referência no modelo Kia KX3, vendido na China.

Na dianteira os faróis se encontram agora em posição mais elevada em relação à grade, antes seguiam o mesmo plano imaginário. Por sua vez, os faróis auxiliares são formados por quatro elementos independente

A lateral é semelhante à da atual geração, muito próximas pela ampla coluna C, comum aos dois, e pela caída do teto até a traseira. Ainda nesse ângulo, caixas de roda volumosas, para uma imagem de veículo robusto e musculoso.

A influência vinda de Frankfurt é evidenciada na traseira. As lanternas, com formas horizontais e ligadas entre si pelo friso da tampa traseira, remetem às encontradas em modelos BMW. Ainda merecem destaque as duas saídas de escapamento funcionais.

Na parte mecânica, caixa robotizada de dupla embreagem e sete marchas,  acoplada à motores gasolina com injeção direta, alguns downsized, e, lá fora, motores diesel. O conhecido motor 1,6 litro da família GDi será a base. Este mesmo receberá turbo em uma versão mais potente. Foi cogitado um pequeno motor 1,2 litro turbinado, de nominação T-GDi, com potência semelhante ao atual 1,6 litro aspirado, mas nenhuma confirmação ainda foi obtida.

chery_tiggo5_1

CHERY TIGGO 5

O Tiggo 5 fabricado no Brasil chegará no segundo semestre de acordo como o fabricante. O SUV será equipado com o motor 2.0 16V que rende 139 cavalos de potência de poderá trabalhar em conjunto com um câmbio manual de cinco velocidades ou um automático do tipo CVT.

O Tiggo 5 é maior que o atual e conta com 4,51 m de comprimento, 2,61 m de entre-eixos, 1,84 m de largura e 1,74 m de altura.

CHEVROLET TRAILBLAZER

Assim como a Chevrolet S10, o SUV Trailblazer passará por pequenas mudanças visuais que se concentrarão na dianteira. O modelo deverá chegar ainda no primeiro semestre. Na motorização a Trailblazer não terá nenhuma mudança.

projecao_jeep_551_pernambucano

JEEP 551

Correndo por fora, o Jeep 551, terceiro produto da unidade de Pernambuco do Grupo FCA está congelado, entretanto, o modelo dará as caras no Salão do Automóvel de São Paulo. E talvez comece a ser vendido no fim de 2016. O visual final do modelo será revelado no Salão de Nova York. Antes mesmo de surgirem os primeiros flagras o Autos Segredos já afirmava que o modelo será um mini Grand Cherokee. Por usar a plataforma da Fiat Toro, o SUV 551 será maior que o Renegade e menor que o Cherokee. No Brasil ele será comercializada exatamente nesta lacuna. Com base em descrição de quem já viu o modelo e em flagras recentes nosso amigo Du Oliveira produziu as projeções que ilustram está reportagem. O visual final deverá ser revelado em janeiro no Salão de Detroit (EUA) e é esperado que ele também apareça no Salão do Automóvel de São Paulo em outubro de 2016.

Na dianteira o visual remente ao Grand Cherokee com os faróis mais estreitos que formam conjunto com a grade de sete barras que terá acabamento cromado. Na parte inferior do para-choque o SUV contará com uma grande entrada de ar em formato de colmeia. A peça será emoldurada por um réguas pretas que se estendem por toda a lateral contornando as caixas de rodas. Aliás, esse acabamento já é usado no Renegade e também apareceu nos flagras recentes da Fiat Toro.

Na lateral as portas lembrarão um pouco as da picape e o recorte das janelas da porta traseira é praticamente o mesmo da Toro. Já na traseira as lanternas horizontais invadirão a tampa e serão separadas por um régua cromada. A placa de identificação ficará alojada na tampa.

MOTORES O Jeep 551 compartilhará boa parte da estrutura mecânica com os irmãos. Os sistemas de tração e suspensão também serão compartilhados com o Renegade e a Toro. Porém, a versão de entrada do SUV 551 será equipada com o motor 2.o 2.0 Tigershark flex. O propulsor renderá 159cv de potência a 6.200rpm com gasolina e 164cv a 6.000rpm. Já o torque fica em 19,8 kgfm a 4.000 rpm com gasolina e 20,4 kgfm a 4.400 rpm com etanol. O motor é construído em alumínio. O câmbio será o automático de nove marcha e a tração 4×2.

Já as versões com motorização diesel usarão o mesmo 2.0 turbo diesel MultiJet II, que rende 170 cv e 35,7 kgfm de torque já usado pelo Renegade e que também estará na picape Toro. Assim como no motor flex o câmbio será o automático de nove velocidades. Já a tração do modelo a diesel será 4×4.

Fotos | Suzuki/Divulgação, Ford/Divulgação, Toyota/Divulgação e Marlos Ney Vidal/Autos Segredos (Nissan Kicks, JAC T5 e Chery Tiggo 5)
Projeções | Du Oliveira/Especial para o Autos Segredos (Ford EcoSport, Jeep 551 e Renault Captur)