teste_vw_up!_speed_tsi_33As versões equipadas com motorização 1.0 TSI já representam quase a metade das vendas do Volkswagen up!. Segundo a marca, das 20.298 unidades da família up! comercializadas no mercado interno nos seis primeiros meses do ano, 8.785 foram com a nova motorização TSI. A versão mais vendida do up! TSI é a move.

O propulsor é o primeiro com injeção direta, turbocompressor e tecnologia flexível produzido no País. Ainda de acordo com a Volkswagen, o motor foi desenvolvido seguindo critérios de eficiência energética (com menor consumo de combustível) o novo motor 1.0 TSI Total Flex é da família EA211 é fabricado em São Carlos, no interior de São Paulo. Em seu desenvolvimento o up! TSI rodou mais de 1,6 milhão de quilômetros e o motor foi submetido a extensos testes em dinamômetro que somaram mais de 14.600 horas.

“O sucesso do up! foi reforçado com a chegada da motorização TSI, tecnologia que resulta em máxima eficiência, aliando performance, baixo consumo de combustível e prazer ao dirigir. Além dos prêmios concedidos pela imprensa especializada graças a seus diferenciais, o up! TSI também é o grande vencedor em comparativos com a concorrência. É um carro que traduz a inovação e tecnologia da marca Volkswagen”, afirma o vice-presidente de Vendas e Marketing da Volkswagen do Brasil, Jorge Portugal.

O compacto com motor 1.0 TSI é vendido nas versões move up! TSI, high up! TSI, black up! TSI, red up! TSI, white up! TSI, speed up! e cross up! TSI.

De série todas as versões do up! TSI são equipadas com ar-condicionado, direção elétrica, coluna de direção ajustável, sistema de som com CD-player, leitor de MP3, entradas USB e auxiliar e conexão Bluetooth, vidros dianteiros e travas elétricos e pneus “verdes” (que oferecem menor resistência ao rolamento), entre outros itens.

Foto | Marlos Ney Vidal/Autos Segredos