MICHELIN_PILOT_SPORT_4_3Marlos Ney Vidal (*)
De Mogi Guaçu (SP)

Maior durabilidade, melhor aderência pisos molhados, melhor frenagem em solo seco e molhado são algumas das qualidades prometidas pela Michelin para o pneu Pilot Sport 4. Nossa reportagem acompanhou alguns testes do novo pneu esportivo da marca.

MICHELIN_PILOT_SPORT_4_1Em testes de frenagem com piso molhado, o lançamento da Michelin obteve, em média, uma distância de frenagem 6,76 metros menor que a média das passagens de um carro equipado com pneu concorrente.

Segundo a Michelin, as inovações do pneumático vêm da experiência da Michelin em competições automobilísticas, onde as últimas tecnologias são colocadas à prova, a fim de serem transferidas para uso comercial. O fabricante afirma que o Pilot Sport 4 tem escultura inspirada nos pneus utilizados na Fórmula E.

MICHELIN_PILOT_SPORT_4_2

O Pilot Sport 4 conta com a tecnologia “Elasto Sport” e que de acordo com a Michelin à presença de borracha sintética na composição do pneu proporciona excelente aderência, durabilidade e eficiência energética. Ainda segundo o fabricante, é a última evolução de mistura com sílica nos pneus, que oferece uma melhora significativa e simultânea dessas três performances.

A nova geração de sílica faz com que o Pilot Sport 4 tenha boa performance em piso molhado melhorando sua aderência. Outros fatores como o perfil e o desenho da escultura da banda de rodagem, que favorecem a expulsão do excesso de água da pista, diminui a distância de frenagem e aumenta a aderência em curvas em solo molhado, além de proporcionar maior durabilidade.

Na pista nossa reportagem deu algumas voltas para avaliar o Pilot Sport 4. Demos algumas voltas, intercaladas, com o lançamento da Michelin e em outras com o carro equipado com pneu da concorrência. O Pilot Sport 4 passa mais segurança ao condutor, forçamos algumas situações em piso molhado com o lançamento e o carro não saiu de sua trajetória. Já em situação semelhante com pneu da concorrência, o carro deu algumas escapadas perdendo aderência.

Para os amantes de uma condução mais esportiva a tecnologia “Dynamic Response” diminui o tempo de resposta do pneu e proporciona maior precisão na condução. O responsável pelo feito é a maior quantidade de borracha em contato com o solo, por meio da escultura inspirada nos pneus da Fórmula E, e à nova e exclusiva lona têxtil híbrida feita em aramida e nylon.

O desenho do pneu foi pensado para facilitar a vida do consumidor. O fabricante desenvolveu até mesmo um saliente protetor de roda para evitar danos e arranhões em manobras de estacionamento. O flanco do pneu conta com a tecnologia “Premium Design” que simula o efeito da textura aveludada.

MICHELIN_PILOT_SPORT_4O Pilot Sport 4 passou por testes realizados pelos institutos independentes alemães TÜV SÜD e Dekra, com pneus da mesma dimensão (225/45 ZR17 e 225/40 ZR18) de gamas comercializadas no mercado sul-americano, dos principais concorrentes da categoria.

Em testes do TÜV SÜD o pneu teve aderência 8% maior em curvas em solo molhado e freia até dois metros antes em piso molhado que os concorrentes analisados. Já em piso seco o pneu freia até um metro antes.

Já nos testes do instituto Dekra o Pilot Sport 4 dura em média 15% a mais que os concorrentes. Levando em consideração a média anual de sete mil quilômetros anuais.

(*) O jornalista viajou a convite da Michelin do Brasil.

Fotos | Michelin/Divulgação