Linha 2019 aprimora suspensão, isolamento acústico e bancos para manter o HR-V EXL entre os modelos mais vendidos no país. Desempenho é apenas suficiente. Leia o teste
HR-V EXL 2019
Foto | Marlos Ney Vidal/Autos Segredos

Por Paulo Eduardo

HR-V é o modelo da Honda mais vendido no mercado nacional, tendo liderado o segmento durante dois anos. Nos primeiros três meses do ano foi o quarto utilitário-esportivo mais comercializado o Brasil. A Honda tem ambições e a evolução do HR-V é para torná-lo competitivo diante dos novos concorrentes.

HR-V EXL 2019
Foto | Marlos Ney Vidal/Autos Segredos

Visual

Ligeira alteração no visual com grade frontal mais larga atinge a parte frontal e chega aos faróis, que iluminam bem melhor, e com luzes de rodagem diurna integradas. Desenho do para-choque mudou e os faróis auxiliares redondos em vez os anteriores ovais. Novas rodas aro 17 com fundo escuro. Lanternas traseiras têm guias de LED horizontais e são escuras na parte debaixo.

HR-V EXL 2019
Foto | Marlos Ney Vidal/Autos Segredos

Interior

No habitáculo espaçoso do HR-V, novidades são os novos bancos que garantem melhor apoio para costas e pernas. Assento traseiro também está mais comprido. Entretanto, falta a regulagem lombar, que mantém a postura correta e evita cansaço em percurso maior. Não pode faltar em carro que custa mais de R$ 100 mil. Assim como porta-luvas com iluminação. E luz interna central é muita fraca. As dianteiras de leitura são boas. A forração em couro sofistica, mas exige ambiente climatizado por não permitir transpiração. Incomoda o acesso ao banco traseiro pela caída brusca do teto para dar visual de cupê. Prático cede lugar ao estilo. Prático mesmo é o sistema de rebatimento dos bancos traseiros da Honda. Em apenas um simples e fácil comando é formada plataforma plana com o porta-malas de boa capacidade (437 litros). Incrível o grau de praticidade e facilidade. Assento é rebatível para levar objetos altos no assoalho; e rebatendo-se o encosto do banco do passageiro dianteiro leva-se objeto comprido.

Quadro de instrumentos

Console central tem acabamento em preto brilhante e detalhes cromados. Conforme a incidência do sol provoca ofuscamento. Quadro de instrumentos da versão EXL tem três arcos iluminados e computador de bordo acionado por comando inserido nele. Volante agrupa poucos comandos para facilitar ergonomia e material de revestimento rugoso evita deslize acidental. Coluna de direção tem regulagens de altura e distância.

Multimídia

A central multimídia com tela de 7 polegadas precisa evoluir. Não convence na aparência e câmera de ré deveria ter definição melhor. Há conectividade com sistemas Apple CarPlay e Android Auto. GPS está integrado. Sistema conta com reconhecimento de voz para atender e fazer chamadas. Acabamento interno tem o tradicional capricho Honda no encaixe e arremates. Material emborrachado somente na parte frontal do painel central. O restante é plástico duro, incluindo forros de porta.

Conforto

Para completar o conforto interno, ar-condicionado digital com acionamento tátil, freio de estacionamento eletrônico, controle automático de velocidade, espelhos retrovisores com rebatimento elétrico, acendimento automático dos faróis, entre outros. Em segurança, seis airbags, controles de tração e estabilidade, assistente de partida em rampa, além da nota máxima no teste de impacto do instituto Latin NCAP na proteção a adultos e crianças.

Andando

Ao colocar o HR-V 2019 em movimento, percebem-se as evoluções no sistema de suspensão com rodar menos duro em superfície irregular. As rodas aro 17 e pneus de perfil baixo têm boa altura de borracha, mas o peso do conjunto roda/pneu provoca desconforto nas ondulações ao subir e descer pesadamente. A adoção do stop hidráulico para evitar a pancada no fim do curso do amortecedor não cumpre totalmente a função em situações extremas. O tratamento acústico adicional nas portas e assoalho da versão EXL, além de isolantes em pontos da carroceria, diminui ruídos internos. Porém, aqueles vindos do motor e do câmbio CVT no kick-down (quando se pressiona totalmente o acelerador, em ultrapassagem), ainda incomodam.

HR-V EXL 2019
Foto | Marlos Ney Vidal/Autos Segredos

HR-V tem boa dirigibilidade, com inclinação moderada em curva. Volante tem boa pega e peso na direção varia à medida que se aumenta a velocidade. Diâmetro de giro grande requer mais manobras em espaço limitado. Desempenho do motor 1.8 flex aspirado é satisfatório para um carro com proposta familiar: boas acelerações e retomadas mais lentas. Câmbio CVT tem sete marchas virtuais marcadas que podem ser trocadas por meio de aletas no volante. Visibilidade boa com retrovisores grandes. Limpadores eficientes, mas lavadores nem tanto. Freios a disco nos dois eixos param o carro sem desvio de trajetória. Altura do solo de 20 centímetros possibilita transpor obstáculos sem problemas, mas não é conveniente abusar na curva. Bons ângulos de ataque e saída permitem trafegar com desenvoltura na estrada de terra. Nada de caminhos radicais. Preço sugerido da versão EXL é de R$ 108.500 e garantia, de três anos.

Ficha técnica HR-V EXL 2019

Motor
De quatro cilindros em linha, 1.799 cm³ de cilindrada, 16 válvulas, de 139 cv (álcool) de potência máxima a 6.300 rpm e 140 cv (gasolina) de potência máxima a 6.500 rpm e torques máximos de 17,5 kgfm (álcool) a 5.000 rpm e 17,3 kgfm (gasolina) a 4.800 rpm

HR-V EXL 2019
Foto | Marlos Ney Vidal/Autos Segredos

Transmissão
Tração dianteira e câmbio CVT

Direção
Tipo pinhão e cremalheira com assistência elétrica; diâmetro de giro, 11,4 metros

Freios
Disco ventilado na dianteira, e sólido na traseira; ESP (controle de estabilidade), TC (controle de tração) e HSA (assistente de partida em rampa)

Suspensão
Dianteira, independente, do tipo McPherson, barra estabilizadora; traseira, eixo de torção; altura do solo, 20,7 centímetros/ângulos de ataque/saída (graus), 20,1/29,7

Foto | Marlos Ney Vidal/Autos Segredos

Rodas/pneus
7×17” de liga leve /215/55R17

Peso
1.276 kg

Carga útil (passageiros+ bagagem)
 464 kg

Dimensões (metro)
Comprimento, 4,29; largura, 1,77; altura, 1,59; distância entre-eixos, 2,61

HR-V EXL 2019
Foto | Marlos Ney Vidal/Autos Segredos

Capacidades (litro)
Porta-malas, 431; tanque, 51

Desempenho
Velocidade máxima, não divulgada; aceleração até 100 km/h, não divulgada

Consumo (km/l)
Urbano, 7,7 (a) e 11 (g); estrada, 8,6 (a) e 12,3 (g)

Siga nossas redes sociais