flagra_vw_gol_reestilizado_2A Volkswagen programa para março a estreia do Gol 2017 que chegará de visual renovado. As mudanças visuais incluem alterações na dianteira, traseira e interior. No quesito mecânica o hatch ganhará o motor 1.0 de três cilindros para tentar voltar a ter dias melhores no mercado nacional. O flagra deste post é do jornalista Fernando Pedroso do jornal Agora São Paulo.

#JuntosPeloMatheus   –  O Autos Segredos convida seus leitores a ajudar o Matheus   –    https://www.facebook.com/juntospelomatheus/timeline

flagra_vw_gol_reestilizado_5As pequenas mudanças visuais servem para dar um respito ao ex-campeão de vendas até a chegada da nova geração que está prevista para chegar em 2017 construído em cima de uma nova plataforma.

Na dianteira o ex-líder de mercado ganhará novo para-choque e faróis com novos arranjos das luzes. Já na traseira mudam para-choque e lanterna traseira que terá formato e disposição de luzes muito parecidas com as do Polo europeu.

flagra_vw_gol_reestilizado_1Já no interior o hatch contará com um novo painel que incluem novas saídas de ar, quadro de instrumento e console central. Porém, de acordo com o apurado por nossa reportagem os materiais tem aspecto bem simples.

MOTORES

A grande novidade será a adoção do motor 1.0 de três cilindros que rende 82cv de potência e torque de 10,4kgfm quando abastecido com etanol e 75 cv de potência e torque 9,7 kgfm com gasolina no tanque.

O compacto manterá o velho motor 1.6 8V que rende 104 cv de potência e torque de 15,6kgfm quando abastecido com etanol, com a gasolina no tanque a potência é de 101cv e torque de 15,4kgfm.

flagra_vw_gol_reestilizado_3

Já o motor 1.6 MSI continuará sendo exclusivo da versão aventureira Rallye. O propulsor rende 120cv de potência e torque de 16,8kgfm quando abastecido com etanol, já com gasolina a potência é de 110cv com torque de 15,8kgfm. 

Caso o Gol esteja em sua lista e opções de compra, espere o modelo reestilizado chegar. Se não for possível esperar negocie bons descontos no atual.

[photomosaic]

Fotos | Fernando Pedroso/Agora São Paulo