flagra_picape_fiat_226_1Apesar da crise que assola o setor automotivo os fabricantes seguem com seus planos e testam a todo vapor suas apostas à espera de um futuro melhor. Neste post publicamos flagra dos nossos atentos leitores que registraram imagens da picape Fiat, do JAC T5, da BMW X1 e do VW Golf 1.6 MSI. A todos nossos agradecimentos pelas importantes colaborações.

flagra_picape_fiat_226

FIAT 226

A picape média da Fiat segue em testes em Minas onde foi flagrada pelo leitor Carvalho e em Pernambuco em cliques de Danilo Cavalcanti. A picape chegará ao mercado em outubro e como o Autos Segredos antecipou em fevereiro. Apesar de circular ainda bem camuflada os leitores do AS já sabem como modelo ficará desde novembro, quando publicamos uma projeção exclusiva e reveladora que serviu de inspiração para outras publicações.

flagra_picape_fiat_226_2

O conceito exposto no Salão do Automóvel de São Paulo deu boas dicas do visual da picape. Na dianteira a herança do FCC4: a posição dos faróis e entradas de ar serão mantidas como as do conceito. Os faróis auxiliares serão bem finos e concentram farol baixo e luzes de setas, nas extremidades. Diferentemente do conceito, a grade do modelo final será maior e contará com filetes horizontais. Os faróis auxiliares também estão nas extremidades dos para-choque, ficando alinhados verticalmente com a seta e o farol principal.

Nas laterais as linhas não estão tão ousadas como as do FCC4, mantendo a linha de cintura bem alta e os vincos bem definidos. Um deles segue por toda a lateral, começando na lanterna traseira, passando pelas maçanetas. Só que a área envidraçada será bem maior no carro definitivo e porta traseira, tão vertical como nas picapes maiores. Completando o visual, uma peça plástica na cor preta contornará as caixas de roda e se estenderá por toda a lateral unindo os dois para-choques.

Na traseira, a picape contará com o mesmo sistema de abertura da tampa da caçamba. A porta se abrirá em duas partes assimétricas para os lados. A logo com tipologia da linha comercial ficará no centro da tampa e servirá como maçaneta de abertura. As lanternas não são tão futuristas, mas seguem um pouco as do FCC4. Elas invadem um pouco a tampa da caçamba e as laterais. O para-choque abrigará a placa de identificação, além as luzes de ré e neblina.

A picape construída em monobloco – como a Honda Ridgeline e a futura picape Oroch, derivada do Renault Duster – terá porte das antigas Chevrolet S10 e Ford Ranger. É algo como entre-eixos de 2,80m, largura de 1,94m, altura de 1,6m e comprimento na casa dos 5m.

MOTORES A versão de entrada da 226 será equipada com o motor 1.8 E.torQ EVO usado pelo Renegade. Os câmbios para o E.torQ EVO serão o manual de cinco velocidades e o automático de seis, e a tração sempre será 4×2. Já as versões topo de linha ganham opção de tração 4×4 e serão equipadas com o motor 2.0 turbo diesel MultiJet II, que rende 170 cv e 35,7 kgfm de torque. Nesse caso, o câmbio será o automático de nove marchas. O motor 2.4 já usado pelo Freemont está cotado para ser usado na picape, porém, a princípio ele é destinado para outros mercados.

 flagra_jac_t5

JAC  T5

A JAC promete para lançamento do chinês T5 para dezembro. Enquanto não chega o fabricante chinês segue testando o SUV como mostram os flagras dos leitores Tiago Miari e Adriano Montanha. O T5 terá a missão de enfrentar os Ford EcoSport e o Renault Duster equipados com motor 1.6. Segundo a marca o T5 terá preços abaixo dos R$ 63 mil, só falta combinar com o Dólar.

flagra_jac_t5_1O utilitário-esportivo compacto será equipado com motor 1.5 16V VVT Jet Flex e virá com câmbio automático CVT.

 flagra_bmw_x1

BMW X1

A nova geração do BMW X1 foi clicada pelo leitor Flávio Palmesi. O modelo será montado em CKD no Brasil na fábrica da marca alemã em Araquari (SC).

Nesta nova geração o crossover contará com a nova arquitetura batizada de UKL2. Essa plataforma já é usada no novo MINI Cooper e no monovolume Série 2 Active Tourer. Além deles, ela também será compartilhada com a nova geração do Série 1.

A grande novidade do modelo além das mudanças visuais será o uso da tração dianteira. A plataforma UKL2 permite configurações com tração dianteira e integral.

Em outros mercados o novo BMW X1 2016 contará com motores 1.5 turbo movido à gasolina que rende 136 cv de potência e um 2.0 turbo que rende 231 cv. No Brasil é provável que esses propulsores passem a contar com a tecnologia flex.

flagra_golf_msi

Volkswagen Golf VII

O Volkswagen Golf VII nacional chegará ao mercado em agosto. Uma unidade do modelo foi flagrada pelo leitor Simão Franco. O modelo vendido atualmente com os motores 1.4 e 2.0 contará com o propulsor 1.6 MSI que será usado nas versões de entrada do hatch. Além dele, o Golf contará com o motor 1.4 em sua versão flex. Esse propulsor será fabricado em São Carlos (SP). Atualmente rodando só com gasolina o motor 1.4 TSi tem potência de 140cv e torque de 25,5kgfm. Quando passar a beber o derivado da cana o motor terá potências de 145cv com gasolina e potência final de 150cv quando abastecido com etanol.

[photomosaic]

Fotos | Tiago Miari e Adriano Montanha (JAC T5), Carvalho e Danilo Cavalcanti (Picape Fiat 226), Flávio Palmesi (BMW X1) e Simão Franco (VW Golf)

Flagrou algum carro diferente, camuflado, com placas verdes (ou tudo isso) ou ainda tem alguma informação interessante e quer contribuir com o Autos Segredos? Envie para o e-mail contato@autossegredos.com.br ou marlos.vidal@gmail.com