nova_nissan_frontierO Grupo Renault-Nissan acaba de anunciar parceira com o Grupo Daimler AG para o desenvolvimento conjunto de uma picape de porte médio. A picape Mercedes-Benz compartilhará a arquitetura com a Nissan NP300 (Novo Frontier) que também será produzida na unidade da Renault em Córdoba (Argentina). O desenho do modelo da Mercedes será exclusivo e projetado pela Daimler para atender às necessidades específicas de seus clientes. O modelo da Mercedes terá como foco os mercados da Europa, Austrália, África do Sul e na América Latina. O modelo também será produzido em Barcelona (Espanha).

A picape da marca alemã terá cabine dupla e com capacidade para uma tonelada. Será a entrada da marca no segmento de picapes.

A Renault também terá sua picape média baseada na arquitetura da Nissan NP300 (Frontier). Assim com o modelo da Mercedes a picape da Renault terá desenho exclusivo. Será a primeira picape da Renault com capacidade para uma tonelada. Além de ser produzida na Argentina a picape Renault será fabricada a partir de 2016 na unidade da Nissan no México. Antes a Renault entrará no segmento de picapes com capacidade para meia tonelada neste ano com a picape Oroch derivada do Duster.

A fábrica de Córdoba será responsável pela produção das três picapes. A picape da Mercedes-Benz, a nova Frontier e a picape da Renault. A fábrica de Barcelona irá produzir cerca de 120 mil veículos por ano para os três parceiros, enquanto a planta Cordoba vai produzir cerca de 70 mil veículos por ano.

A parceria estratégica entre a Daimler e Renault-Nissan Alliance completa cinco ano. A cooperação entre as três empresas começou em 10 de abril de 2010. Na época, o âmbito da colaboração foi limitado a três projetos focados principalmente na Europa. Atualmente, a parceria conta com 13 projetos na Europa, Ásia e nas Américas.

Foto | Nissan/Divulgação