Fox-pneuO Instituto Nacional de Metrologia, Qualidade e Tecnologia, INMETRO divulgou a publicação de portaria complementar que revisa as regras para comercialização de pneus usados e para a reforma das carcaças.

Os pneus recapados, recauchutados ou remoldados deverão estar adequados às novas normas – menos burocráticas – em até dois anos, e serão fiscalizados com maior rigidez pelo INMETRO a partir de então.

A utilização dos pneus reformados no Brasil é vedado à motocicletas e máquinas agrícolas, contudo é liberado para veículos de passeio e comerciais.

#JuntosPeloMatheus   –  O Autos Segredos convida seus leitores a ajudar o Matheus   –    https://www.facebook.com/juntospelomatheus/timeline

O número de vezes que um pneu pode ser reaproveitado para reforma varia. De uma vez para pneus radiais de veículos de passeio e índice de velocidade superior a 190 km/h a até seis vezes para caminhões, ônibus e reboques.

Nos pneus passará a constar um “Selo de Identificação de Conformidade”, que será obtido através de testes que garantam a equivalência e manutenção das características do produto em relação à condição original. O tipo de reparo será especificado na banda de rodagem – recauchutado, recapado, remoldado ou reformado -, além da data do processo de renovação e o número de vezes que a carcaça foi reaproveitada.

Confira em http://www.inmetro.gov.br/legislacao/rtac/pdf/RTAC002331.pdf a portaria completa.