Marca coreano investiu US$ 3 bilhões para a construção da unidade

KIA_MOTORS_MEXICO_LINHA_DE_MONTAGEMA Kia Motors inaugurou sua nova fábrica em Pesquería, no estado mexicano de Nuevo Léon, com investimento da marca e de fornecedores da ordem de US$ 3 bilhões. A fábrica traz potencial de produção anual de 400 mil unidades, elevando a capacidade de fabricação global da marca coreana para 3,56 milhões de veículos.

O primeiro modelo a sair das linhas de produção da fábrica mexicana é o sedã Kia Forte (também conhecido como Cerato em outros mercados). Para 2017, a marca promete a produção do Kia Rio. A nova geração do modelo fará sua estreia mundial em 29 de setembro no Salão do Automóvel de Paris, na França.

“A nova fábrica aqui no México representa o próximo passo da Kia Motors para se tornar uma das fabricantes de automóveis mais importantes do mundo”, disse Mong-Koo Chung, durante seu discurso na cerimônia de inauguração. Ainda de acordo com o presidente, “o design inovador e de classe mundial dos veículos produzidos na fábrica da Kia Motors no México será abraçado por nossos clientes não só aqui, como também em países vinculados à exportação da América Latina e América do Norte”.

Além do mercado mexicano, 80% da produção da nova fábrica será destinada para outros países da região, incluindo os EUA e outros mercados da América Latina, onde são esperados o aumento da demanda por carros da Kia.

Neste primeiro momento, a fábrica opera apenas em um turno, produzindo cerca de 100 mil carros por ano, ou seja, traz capacidade de fabricar um carro a 53 segundos ou 68 unidades por hora. Um segundo e terceiro turno será adicionado em 2017 para produção de 300 mil unidades por ano. A Kia Motors espera ter sua planta operando com capacidade plena de 400 mil unidades, incluindo três turnos até o final de 2018.

Foto | Kia/Divulgação