GR Corolla: “Melhor Corolla de todos os tempos” chega a partir de R$ 417 mil

794

Modelo arrebata corações e chega em duas opções de acabamento, ambas com motor 1.6 tricilíndrico que entrega 304 cv de potência

Attenzione pickpocket: o Toyota GR Corolla irá roubar seu coração. E, senhoritas e senhores, o repórter tem apenas a lamentar se vocês não creem em tal afirmação. Além de ser um veículo capaz de arrebatar até mesmo as mais gélidas almas, hatch esportivo é, de fato, feito de entusiastas para entusiastas.

O modelo feito em Motomachi é capaz de demover da mente de qualquer um aquela pecha carregada tanto pelo sedã quanto pelo utilitário esportivo – de que o Corolla é um veículo que, hoje, é anódino e feito para tiozões. Tanto é que na lista de espera do hot hatch, segundo a fabricante, há uma centena de petrolheads. Entre eles, pilotos profissionais, chefes de equipe da Stock Car e afins.

Vale ressaltar que a Toyota traz, a conta-gotas, 99 unidades do GR Corolla para o país. Cerca de 40 modelos já aportaram por aqui, enquanto o restante deve chegar em meados de 2024. A montadora diz, claro, que luta para atender aos que aguardam pelo veículo.

O GR Corolla foi apresentado oficialmente aos jornalistas na quarta-feira, 19, no Autódromo de Interlagos. A Toyota utilizou festival realizado no templo do automobilismo brasileiro para mostrar o hatch. O evento, bom salientar, tenta fazer vezes de Salão do Automóvel. Será que decola?

Mas voltemos ao motivo dessa matéria. O Toyota GR Corolla chega ao Brasil em duas opções de acabamento: Core e Circuit.

Veja os preços do Toyota GR Corolla

  • GR Corolla Core (20% do mix de vendas) – R$ 416.950
  • GR Corolla Circuit (80% do mix) – R$ 461.990

Este é o momento do texto em que você questiona os motivos que o levariam a pagar quase “meia milha” por um Corolla. Por que cargas d’água o GR Corolla gera tanta comoção?

Oras… A começar pelo conjunto mecânico. O modelo vem equipado com um motor 1.6 turbo tricilíndrico, mesmo do GR Yaris, porém retrabalhado a fim de entregar o fino da bossa. Reconfigurado, rende 304 cv de potência e 37,7 kgfm de torque.

A Toyota, vale destacar, deu ao propulsor maior pressão de turbo e válvulas de escape mais, digamos, robustas. Houve também melhorias na bomba de combustível e no sistema de resfriamento do óleo.

A transmissão, para o regozijo dos apaixonados por carros, é manual (é isso mesmo, padawan). A caixa tem seis velocidades e relações que otimizam o desempenho do hot hatch e deixam qualquer petrolhead com um sorriso gostoso no rosto.

Para completar, a potência é entregue nas quatro rodas, mas pode ser ajustada ao gosto da freguesa ou do freguês. Dessa forma, o GR Corolla pode ter mais tração dianteira, um equilíbrio entre os eixos ou até mesmo maior tração na traseira. A diversão fica por sua conta.

Aprimoramentos do GR Corolla, o “melhor de todos”

O Toyota GR Corolla é feito sobre a plataforma modular TNGA-C. No entanto, conta, evidentemente, com alguns aprimoramentos ante o hatchback “careta”. O modelo tem mais pontos de solda na carroceria e se vale de adesivo estrutural justamente para ter sua rigidez aumentada.

Além disso, a engenharia fez aquele delicioso trabalho de corte de gordurinhas no hot hatch. No capô e nas portas dianteiras, por exemplo, chapas de aço abrem alas para o alumínio. Na versão de topo, o teto é de fibra de carbono e reduz ainda mais o peso do GR Corolla.

A geometria de suspensão também foi alvo de ajustes. Independente nos dois eixos, com MCPherson na dianteira e multilink do tipo double-wishbone na traseira, tem barras estabilizadoras e amortecedores com molas integradas. Tal garante maior controle do hatch no quesito direção como um todo e, claro, maior estabilidade nas curvas.

As bitolas são mais alargadas, e também ajudam a garantir melhor desempenho nas curvas. Já o sistema de freios, para conter todo o ímpeto, é equipado com pinças monobloco de alumínio de 14 polegadas na dianteira – o equivalente a muita roda de carro popular. Na traseira têm 11,7”. Os discos são ventilados e têm ranhuras a fim de dissipar o calor.

Design do Toyota GR Corolla

Já mencionamos anteriormente alguns quesitos que se sobressaem em termos visuais no Toyota GR Corolla. No entanto, o modelo carrega muito mais pontos que o distinguem de um hatch convencional.

Os para-lamas dianteiro e traseiro são 30 mm mais largos, enquanto a grade frontal foi pensada para justamente favorecer a admissão de ar. O modelo, vale destacar, tem ainda entrada de ar no para-choque e saídas de ar no para-lama dianteiro e no capô. Antes que você pergunta se são falsas, já adiantamos que são funcionais e não apenas plumas e paetês.

Para completar, o GR Corolla tem rodas de 18 polegadas forjadas BBS. Na traseira, destaque para a tripla saída de escape, que tem, bom destacar, contrapressão reduzida.

Interior

Por dentro, o foco é no condutor, sem maiores exageros. A Toyota resolveu manter uma pegada mais sóbria no habitáculo do GR Corolla, ao contrário do pacote visual agressivo do exterior.

Destacamos aqui os bancos esportivos, em formato de concha, e o volante de ótima “pega”. Há ainda painel de instrumentos de 12,3 polegadas e, na versão mais cara, head-up display. No caso do motorista, são perfeitos. Tudo à mão.

Itens de conveniência e segurança

Entre os principais itens, o GR Corolla dispõe de Toyota Safety Sense 3.0, com frenagem autônoma de emergência e sistema de pré-colisão (PCS) com detecção de pedestres, alerta de saída de faixa e controle dinâmico de cruzeiro. Além disso, traz monitor de ponto cego e alerta de tráfego cruzado traseiro.

A central multimídia tem tela de 7” e conectividade com Android Auto e Apple CarPlay e o ar-condicionado é digital de duas zonas. Há ainda opção de carregador de smartphone por indução. Para dar um quê a mais de esportividade, as pedaleiras são cromadas, os bancos têm o símbolo da GR e acabamento em camurça e couro sintético com costura vermelha. Símbolo e costura em vermelho também podem ser vistos no volante.

Posto tudo isso, deixamos aqui a seguinte pergunta: você vai de Toyota GR Corolla ou de Honda Civic Type R?

Dureza essa resposta. Até mesmo porque, ambos são absolutamente sedutores.

Fique por dentro das novidades.

Não fazemos spam! Leia nossa política de privacidade para mais informações.