O 208, que ganhará cidadania brasileira em breve, já está cruzando as fronteiras da América do Sul: o modelo foi flagrado em Buenos Aires pelos amigos do Argentina Autoblog. Como o país vizinho será abastecido pela fábrica de Porto Real, RJ, tudo indica que a Peugeot está disposta a cumprir o cronograma estabelecido para o hatch. Conforme publicamos em maio (veja aqui), o modelo deverá começar a ser produzido nos últimos meses deste ano, para que as vendas comecem no início de 2013. É possível que ele seja uma das atrações do próximo Salão do Automóvel de São Paulo.

A unidade fotografada na Argentina vestia camuflagem muito pesada, mas deixou alguns traços à mostra, como parte do para choque traseiro, a lanterna de neblina central e os retrovisores. O 208 será a posta da Peugeot para concorrer no segmento dos compactos premium, que anda ganhando muita atenção dos fabricantes nos últimos tempos.

O 208 compartilhará plataforma e componentes mecânicos com a nova geração do C3, que chegará antes ao mercado. Os dois modelos sairão das linhas de montagem de Porto Real. As versões nacionais deverão exibir algumas diferenças em relação aos similares europeus, principalmente no interior e em alguns detalhes de estilo. Ainda não se sabe exatamente o que vai mudar no 208, mas é certo o primo da Citroën terá painel próprio, herdado do C3 Picasso, e uma tomada de ar frontal extra (veja aqui).

As novas gerações de C3 e 208 também compartilharão toda a parte mecânica. Os motores já são conhecidos pelos brasileiros. Um deles é o 1.5 8V que acaba de estrear no C3 Picasso, capaz de gerar 89/93 cv de potência e 13,4/14,2 kgfm de torque, com gasolina e etanol, na ordem. O outro é o 1.6 16V EC5 com sistema FlexStart, que entrega 115 /122 cv e 15,5/16,4 mkgf.

Fotos | Jpablo/Argentina Autoblog/Reprodução

Acompanhe também o Auto Segredos pelo Twitter