Se dependesse das vendas do CR-V no Brasil, provavelemente a Honda não teria lançado a quarta geração do modelo agora. Agora não, em março, conforme antecipamos. Para não perder a liderança do segmento a Honda fará o máximo para não mudar a estratégia do modelo, e isso diz respeito aos preços e motorização: segundo o Uol Carros, o atual motor 2.0 será mantido nas versões destinadas ao Brasil, mas com ganho de potência.

Para não aumentar o preço (que hoje parte dos R$ 88.410 por tabela) , o propulsor 2.4 de 180 cavalos usado nas unidades norte-americanas não virá. O melhor que puderam fazer foi realizar melhorias no motor 2.0 a gasolina para elevar sua potência dos 150 para 155 cavalos. Apesar de parecer mais longo, o modelo continua comportando apenas cinco passageiros.

City e Fit também mudam este ano

Após Civic e CR-V, a Honda irá promover a reestilização de City e Fit. O City deverá seguir o modelo tailandês (foto abaixo), mas ainda não há pistas de como ficará o Fit, apenas um flagra. Para completar a renovação da linha Honda, em 2013 o novo Accord (que será apresentado nos próximos meses) chegará ao Brasil, isso se o IPI maior para importados não o impedir.

Com informações de Uol Carros

Acompanhe também o Auto Segredos pelo Twitter