Jeep produzirá Avenger em Betim ao lado do novo Fiat Argo

478

SUV compacto será o primeiro Jeep fabricado em Betim (MG). Modelo de entrada da marca usará a plataforma CMP

Chamado de Projeto 516, a Stellantis começou os trabalhos para nacionalizar o Jeep Avenger. Em março, o grupo começou a fazer cotações com fornecedores para produzir o SUV compacto na fábrica do grupo em Betim (MG).

Nossos amigos do Jornal do Carro levantaram a bola do Avenger no Brasil em matéria publicada em outubro de 2022.

O Jeep Avenger é desenvolvido em paralelo a nova geração do Fiat Argo que como já falamos se tornará um SUV. Os dois serão construídos a partir da moderna plataforma Common Modular Platform (CMP). Todos os novos produtos a serem feitos em Betim (MG) ou Porto Real (RJ) usarão a nova arquitetura.

O lançamento do Jeep Avenger deve ocorrer entre o fim de 2025 ou 2026, um pouco depois do Argo Next Gen.

Como é o Jeep Avenger?

O Avenger é o primeiro Jeep a ser produzido a partir da plataforma CMP da antiga PSA.

Se a base é francesa, suas linhas ainda remetem a origem americana da Jeep. Seu desenho é mais quadradinho lembrando um pouco o Renegade.

A frente tem faróis horizontais como no Compass e a grade mantém o desenho de sete fendas também em sintonia com o irmão. O para-choque mescla a parte superior seguindo a cor da carroceria e a parte inferior em preto.

A entrada de ar inferior é enorme e conta malha em formato de colmeia.

De lado, o Jeep Avenger tem molduras arredondadas nas caixas de roda que se estendem pela parte inferior das portas. O aplique em preto contorna todo o carro.

Um leve vinco na altura da maçaneta dianteira começa no para-lama dianteiro terminando na lanterna traseira. A maçaneta das portas traseiras ficam na coluna da porta.

Na traseira, as lanternas são horizontais com elementos internos semelhantes aos usado na última reestilização do Renegade. A tampa traseira abriga a placa de identificação.

Por dentro, o SUV tem quadro de instrumentos digital e uma central multimídia flutuante com formato horizontal. Na parte central do painel há saídas de ar que ocupam quase todo o conjunto. O volante é multifuncional e tem desenho exclusivo.

O Jeep Avenger tem 4,08 metros de comprimento, 1,78 m de largura, 1,53 m de altura e 2,56 m de entre-eixos. Seu porta-malas tem capacidade para 380 litros.

Híbrido

Assim como o novo Fiat Argo, o Jeep Avenger terá conjuntos mecânicos a combustão e também híbridos.

Nas versões térmicas, o SUV compacto da Jeep terá o motor 1.0 Turbo Flex T200 ligado ao câmbio CVT.

Já as versões híbridas do Jeep Avenger terão o motor 1.0 Turbo Flex T220 associado a um elétrico de 100V – 150V com potência de 20 – 40 kW e a bateria com capacidade para 1-2 kW. O conjunto será ligado ao câmbio CVT. Ele será um híbrido convencional, plug-in só para modelos acima.