O Freemont poderá não ser o único veículo da Chrysler que a Fiat incorporará à sua linha no Brasil. O fabricante estaria analisando a possibilidade de inserir seu logotipo em outros modelos desenvolvidos pela parceira norte-americana, e vendê-los em suas próprias concessionárias.

Quando a Fiat comprou parte das ações da Chrysler, comprometeu-se a comercializar os veículos da marca norte-americana em 90% de sua rede autorizada na América Latina. Tudo foi formalizado em um contrato, onde há cláusula específica para regulamentar a questão. O documento tem o aval do governo dos Estados Unidos.

A Fiat precisa cumprir o acordo para aumentar a participação acionária na Chrysler, dos atuais 25% para 30%. Diante disso, o fabricante adotaria a estratégia de incorporar totalmente os carros à sua linha, ao invés de oferecer ao consumidor produtos de marcas diferentes.

Com informações do site Auto Estrada

Foto | Fiat/Divulgação

Acompanhe também o Auto Segredos pelo Twitter

Quer equipar seu auto? Compare os preços antes no indiCAuto Auto Peças Online!