flagra_fiat_mobi_2017_7Em março de 2015, num importante lançamento automotivo, ganhei um pau de selfie. Neste sábado (19/3) um ano depois, achei uma bela utilidade para o presente. Graças a ele, o Autos Segredos revela mais um segredo automotivo. Confira as primeiras imagens do Fiat Mobi praticamente sem camuflagem. Ah, não posso de esquecer de agradecer ao fabricante pelo presente. E peço desculpas pela qualidade das fotos, apesar da ajuda do pau de selfie o registro foi feito por celular. A Fiat já produz seu novo compacto em Betim (MG). O modelo será  apresentado oficialmente no dia 18 de abril e as vendas começam na sequência.

flagra_fiat_mobi_2017_10As unidades flagradas estavam praticamente sem camuflagens. Somente os faróis dianteiros e a tampa traseira estavam cobertas com um plástico branco. No pátio do fabricante várias unidades já são estocadas para serem distribuídas aos concessionários. As imagens mostram que as projeções publicadas em outubro de 2015 pelo Autos Segredos ficaram certeiras, com exceção de alguns pequenos detalhes, como as dobradiças que sumiram do projeto final. Denis, você estava certo.  Nossas projeções estavam tão próximas que serviram de inspiração para outras tantas…

flagra_fiat_mobi_2017_4

No visual, o parentesco do Mobi com o Uno fica restrito ao teto, para-brisa e formato da porta dianteira, que contará somente com nova estampagem. De resto, a Fiat conseguiu dar outra cara ao compacto. A frente é alta e o capô conta com dois vincos que fazem jogo com a grade superior, que retorna em um projeto Fiat.  A grade pintada em black piano conta com duas barras e lembra a do SUV Freemont. O hatch terá a frente alta como a do Uno, mas os faróis serão estreitos e invadirão as laterais. O capô, com vincos, morrerá na grade, que definirá o novo estilo visual da marca.

Na traseira, o Mobi terá lanterna em formato redondo e acima dela uma peça plástica em black piano fará conjunto com a tampa traseira, que será toda de vidro. A tampa do porta-malas será bem curta. O para-choque traseiro abrigará a placa de identificação e será bem alto. Aliás, o aproveitamento do porta-malas será verticalizado, como no Idea.

flagra_fiat_mobi_2017_4

Nas laterais, os para-lamas são abaulados e contam com dois vincos que se estendem da traseira até a dianteira. O superior está na altura das maçanetas e o inferior começa mais alto na porta traseira e fica mais fino até morrer na caixa de ar da porta dianteira. Os retrovisores vieram do novo Palio

Por ser um subcompacto, o Mobi será menor que o finado Uno Mille. O entre-eixos curto deixa pouco espaço para as pernas, por isso o Mobi será mais altinho para tentar dar mais conforto aos ocupantes. Aliás, tirando o comprimento, as outras medidas serão bem próximas às do Mille.

[photomosaic]

VERSÕES E MOTOR

O Mobi será vendido inicialmente nas versões Easy, Drive e Like. Ambas serão equipadas com o motor 1.0 Fire que foi retrabalhado e ganhou 5cv de potência. Por conta das mudanças ele ganhará o sobrenome Second. Com gasolina a potência máxima é de 75cv e com etanol a potência final é de 80cv. Em outubro nossa reportagem antecipou que o hatch chegaria com o motor Fire renovado com mais potência e torque.

MOTOR 1.0 GSE

Para 2017 o Mobi será equipado com o novo motor 1.0 GSE. O propulsor terá potência na casa dos 80cv e o torque máximo na casa dos 10kgfm. Entretanto, a curva de torque do propulsor é maior em todas as faixas de rotação que alguns dos concorrentes diretos. A ideia é privilegiar o uso do consumidor comum, que dificilmente passa dos 3.500rpm no seu uso diário. Há menos perda de potência por atrito quando o motor trabalha em giros menores. O motor 1.0 GSE terá três cilindros e seis válvulas. O motor 1.0 GSE será usado em 2017 pelo Mobi nas versões normais e na aventureira Way.

flagra_fiat_mobi_2017 Fotos | Marlos Ney Vidal/Autos Segredos