O Inmetro divulgou nova tabela de consumo e classificação dos automóveis brasileiros. Junto de modelos já conhecidos aparecem futuros lançamentos que já estão em vias de homologação, e que devem chegar às lojas este ano. E poucos destes se saíram mal, o que é um bom sinal.

A Haima estreia na listagem com Haima2, Haima3 e Haima7. O primeiro consegue média de 10,1 km/l, recebendo nota E quando a média do segmento é C. A mesma classificação é dada ao Haima3, que conseguiu consumo médio de 9,7 km/l com câmbio manual ou câmbio CVT. O Haima 7 cravou 8 km/l, recebendo nota E enquanto a média do segmento é D.

Na Ford merece destaque a presença do New Fiesta, certamente o reestilizado. Afinal, aparece a inédita versão Titanium do modelo, que assim como a SE poderá contar com o câmbio automatizado de dupla embreagem DCT de seis marchas. Com este sistema o modelo crava consumo de 12,6 km/l, garantindo nota A. O Sedan obteve o mesmo resultado. Pelo visto só o hatch ficará com o novo 1.5 16v, que é um pouco mais beberrão, cravando 12,2 km/l com gasolina. Na China este motor gera 103 cv e 14 kgfm de torque. Aqui, deverá chegar perto, senão ultrapassar os 107 cv do 1.6 Zetec ao ser adaptado para etanol.

A Ford ainda emplaca o novo Fusion Hybrid, que com seu 2.0 Ecoboost ciclo Atkinson obteve 16,8 km/l de média e conseguiu nota A. Estes Ford devem ser lançados ainda neste semestre.

Cerato Flex? Sim ele aparece, representando a nova geração do sedã que chega nos próximos meses. Ele conseguiu nota A, com média de 12 km/l quando com câmbio manual de seis marchas e média de 10,4 quando com o automático de seis velocidades.

Na Nissan a novidade que deu o ar da graça foi o sedã médio-grande Altima. Ele será lançado no meio do ano nas versões SV, SL, SE e Unique, todos com um conjunto formado por um 2.5 16v e câmbio CVT. Nota A com consumo médio de 11,6 km/l.

Entre os Toyota a novidade é o Prius, que já começou a chegar às lojas e obteve média de 15 km/l. Nota A. A Lexus, marca de luxo da Toyota, teve o CT200h testado. Híbrido como o Prius, obteve média de 14,9 km/l, e também é nota A.

A Rely, marca de utilitários que pertence à Chery, teve uma picape sem nome testada. Nota E ao obter média de 8,1 km/l.

Confira a lista completa aqui.

Fotos | Divulgação