O vice-presidente mundial daJAC Motors, Dai Maofang, e o presidente do Grupo SHC, importador da marca no Brasil, Sergio Habib, se reuniram hoje para oficialmente a construção de uma fábrica em solo nacional. As instalações, que serão erguidas em local ainda indefinido, ficarão prontas em 2014 e terão capacidade para produzir 100 mil veículos por ano.

Estão previstos investimentos de aproximadamente R$ 900 milhões e a criação de 3,5 mil empregos diretos, em dois turnos, além de 10 mil postos de trabalho indiretos. A fábrica é fruto da parceria entre a JAC Motors e o Grupo SHC. A empresa de Habib será majoritária, mas o percentual acionário que cada empresa deterá não foi revelado.

Também não existem informações sobre o índice de nacionalização dos veículos que deixarão as linhas de montagem brasileiras, embora os empreendedores tenham revelado que optarão por erguer a planta em local onde já existam fornecedores instalados.

Quanto aos produtos que serão manufaturados no país, a JAC Motors informou que desenvolverá uma linha de automóveis específica, que custará menos de R$ 40 mil. Além de abastecer o mercado local, os veículos deverão ser exportados para outros países da América Latina, como Argentina e México.

Foto |  JAC/Divulgação

Acompanhe também o Auto Segredos pelo Twitter