A Paraíba poderá sediar uma nova fábrica do Grupo Caoa. A notícia foi divulgada em um comercial de TV naquele estado e reproduzida pelo site Car and Driver, mas paradoxalmente não foi confirmada pela empresa. Tampouco foi revelada a marca dos veículos que sairão da planta nordestina. Contudo, as chinesas BYD Auto, Donfeng e Great Wall seriam as principais candidatas.

As informações disponíveis até o momento apontam para investimentos de aproximadamente US$ 600 milhões na fábrica paraibana, enquanto a movimentação financeira no estado chegaria a R$ 7 milhões, pois o estado também receberia uma rede de fornecedores de autopeças. A cidade mais cotada para sediar a unidade industrial seria Campina Grande, terra natal de Carlos Alberto de Oliveira, cujas iniciais formam a sigla Caoa.

IMPORTAÇÃO DA CHINA Outra manobra protagonizada pelo Grupo Caoa seria a importação de parte da linha Hyundai a partir da China, onde a marca tem uma fábrica. O padrão de qualidade seria o mesmo dos veículos produzidos na  Coreia do Sul, atualmente trazidos para o Brasil. Novamente, não há confirmação oficial da empresa.

A revelação foi feita à Car and Driver por uma fonte anônima. Segundo o informante, a medida seria motivada pela própria Hyundai sul-coreana, para atender à legislação imposta pelo governo chinês. Atualmente, os fabricantes sediados no país têm que cumprir cotas de exportação. Informações sobre os modelos que mudariam de nacionalidade e sobre alterações no preço dos mesmos permanecem em segredo.

Imagem: Hyundai/Divulgação

Acompanhe também o Auto Segredos pelo Twitter