O problema da baixa oferta de etanol, que provocou alta no preço dos combustíveis, parece estar próximo de uma solução. De acordo com um levantamento realizado pela Unica (União da Indústria de Cana-de-Açúcar), 58% por cento das usinas instaladas na região Centro-Sul, onde se concentra a maior parte da produção do país, já estão moendo a safra de 2011. O número representa 195 das 335 empresas instaladas naquela área.

A moagem da cana-de-açúcar começou há cerca de duas semanas, no dia 14 de abril, em 90 usinas localizadas na mesma região. Segundo a Unica, a produção de etanol deverá equilibrar a oferta de álcool hidratado (vendido nos postos de combustíveis) e também de álcool anidro (usado na composição da gasolina brasileira).

Outro levantamento, divulgado em janeiro pela Conab (Companhia Nacional de Abastecimento), prevê que 46,2% da safra de cana será voltada à produção de açúcar. Os demais 53,8% serão utilizados para obtenção de etanol, o que corresponde a um volume de 27,6 bilhões de litros. Resta saber quanto tempo o consumidor vai esperar para sentir o reflexo nos preços dos combustíveis.

Fonte | Automotive Business

Foto | Alexandre Carneiro Soares/Autos Segredos

Acompanhe também o Auto Segredos pelo Twitter

Quer equipar seu auto? Compare os preços antes no indiCAuto Auto Peças Online!