cadeirinhas-recall

Notícia importante para quem tem filhos pequenos: cerca de 13 mil cadeirinhas automotivas,  fabricadas entre janeiro de 2010 e maio de 2013, estão passando por no Brasil. A ação envolve 5.122 unidades dos modelos Neonato, Peg-Pérego Tri-Fix K e Navetta XL, todas produzidas pela Burigotto, e 7.842 exemplares da poltroninha Auto Fix, da marca Chicco.

O recall é causado por uma falha no fecho do cinto de segurança, que é produzido pela Seabelt. O problema pode fazer com que crianças acomodadas nas cadeirinhas soltem-se em caso de acidente, com à integridade física. Segundo a empresa, a ação é preventiva e não existem casos de acidentes relacionados ao defeito.

A Burigotto publicou uma nota de esclarecimento em sua página comercial, além um questionário que visa identificar se o consumidor adquiriu uma das cadeirinhas defeituosas. Em caso positivo, a empresa se compromete a enviar uma nova fivela gratuitamente.  A Chicco também divulgou comunicado e mecanismo de identificação dos equipamentos convocados em seu site, mas não revelou qual procedimento será adotado para solucionar o problema.

Segundo o Ministério da Justiça, que supervisiona recalls e ações corretivas, os consumidores que se sentirem lesados ou enfrentarem dificuldades para solucionar o problema devem procurar um dos órgãos de proteção e defesa do consumidor.

Foto | Divulgação