toyota_hilux_limited_1

Marlos Ney Vidal
Enviado especial

De São Paulo – Os visitantes que passarem pelo estande da Toyota na mostra paulista não encontrarão muitas novidades para as ruas do Brasil. Tirando os modelos atuais de sua gama como Corolla, Etios, RAV 4, a única novidade comercial é a edição especial Limited Edition para a picape Hilux. No espaço também estão os conceitos FT-1, FV2 e o modelo FCV que será comercializado no Estados Unidos.

toyota_hilux_limited

Hilux Limited Edition

Para quem esperava ver a nova geração da Hilux terá que se contentar com a série especial Limited Edition do modelo antigo.  A série especial tem como base a SRV Top Diesel 4×4, com pacote de acessórios, proteção no para-choque dianteiro, rodas aro 17″ em tonalidade preto fosco e adesivos personalizados. Na caçamba tem um santantônio cromado com protetores laterais em preto, além de capota marítima de lona. Tapetes exclusivos e soleira cromada mudam no interior. Apenas 3 mil serão produzidas.

toyota_f1_concept

FT-1

Nos bastidores a conversa é que o conceito FT-1 dará origem ao novo Toyota Supra. Segundo o fabricante o modelo foi criado para entreter os jogadores “Gran Turismo 6”. Apesar de não ter motor definido o FT-1 terá tração traseira. Ou melhor, conta com um “motor de combustão interna de alta tecnologia e desempenho que fica aparente graças à uma parte transparente no capô. Seu design é influencia dos 2000GT, Celica, Supra e pelo 86, mais recente.

 toyota_fv2_1

FV-2

O FV-2 é guiado pelo movimento do corpo do motorista já que não tem volante. Humor e feição do motorista são interpretados pelo carro para definir o modo de direção. Além disto, ele tem um sistema que o conecta a outros carros permite que informações do tráfego e avisos antecipados sobre veículos sejam compartilhados em tempo real.

toyota_fcv_concept_1

FCV

Apesar de parecer um conceito. O FCV será vendido do jeito que está exposto no estande da Toyota nos mercados americano e japonês. Ele será o primeiro carro de produção em série movido a célula de hidrogênio. É movido pela energia elétrica proveniente da reação eletroquímica entre hidrogênio, alimentando um motor elétrico de 136cv. Na prática a autonomia é de 700km por tanque de hidrogênio, com velocidade máxima de 170km/h. O reabastecimento dura cerca de 3 minutos.

[photomosaic]
Fotos | Marlos Ney Vidal/Autos Segredos