Ao todo são 53.434 unidades do Toyota Corolla afetadas pela falha do airbag
Toyota Corolla
Foto | Toyota/Divulgação

O Toyota Corolla é chamado para recall por falha no deflagrador do airbag dianteiro do passageiro. A falha afeta 53.434 unidades do sedã fabricadas entre 11/1/10 e 28/12/12. O agendamento já pode ser realizado nas revendas da marca e o atendimento começará no dia 10 de julho de 2018. O tempo médio para reparo será de 1h30.

Chassis

Veja na imagem abaixo a relação dos chassis das unidades afetadas:

Toyota Corolla
Foto | Reprodução/Toyota

Falha

Segundo a Toyota, nas unidades do Corolla envolvidas no chamado o deflagrador do airbag do passageiro dianteiro pode ter sido montado de modo incorreto no interior do painel. Deste modo, pode ocorrer o vazamento do gás propelente contido no interior do deflagrador. Nestas situações, em caso de acidentes que demandem a deflagração do airbag, a bolsa do passageiro do lado dianteiro direito poderá não inflar de forma apropriada.

Riscos

Por conta do mal funcionamento do airbag há riscos de lesões físicas ao ocupante do banco dianteiro direito do veículo (lado do passageiro).

Solução

Para resolver o problema, a marca fará a inspeção da montagem do deflagrador do airbag dianteiro direito dos veículos envolvidos. Caso seja necessário, a marca fará a remontagem do dispositivo a fim de evitar o vazamento do gás propelente e assegurar a deflagração apropriada da bolsa do airbag.

Siga nossas redes sociais

Informações

Para mais informações, os clientes devem ligar para o S.A.C. Toyota: 0800 703 0206 ou acessar o site www.toyota.com.br.