Hoje durante a coletiva da Renault no Salão de Buenos Aires só haviam unidades do Kwid expostas. Porém, no apagar da luzes a marca expôs uma unidade da picape Alaskan. O jornalista argentino Sergio Cutuli, do site Cosas de Auto,  fez fotos do modelo e gentilmente nos cedeu algumas fotos. Gracias Sergio Cutuli.

A Renault não divulgou muitas informações sobre a picape. Segundo a marca, a picape está na mostra argentina para o público. A Alaskan exposta é uma unidade colombiana. O modelo começará a ser produzido juntamente com a Nissan Frontier no segundo semestre de 2018. O modelo argentino estará exposto no Salão do Automóvel de São Paulo de 2018.

Irmãs

A Alaskan é irmã da nova geração da Nissan Frontier e ainda terá a companhia da Mercedes-Benz Classe X que também será produzida na Argentina, na fábrica do Grupo Renault-Nissan.

Conjunto mecânico

Nossa reportagem apurou que a Alaskan compartilhará todo o conjunto mecânico usado pela Frontier. Basicamente, o que muda é a “casca” diz uma fonte. A picape contará com o motor diesel 2.3 com duplo turbo, de 190 cavalos de potência e opções de câmbio automático e manual.

O propulsor 2.3 turbodiesel desenvolve 190 cavalos e entrega 45,8 kgfm de torque. O câmbio automático será de sete velocidades, que permite trocas em modo manual. Já o câmbio manual será de seis velocidades. A picape terá versões com trações 4×2 e 4×4.

Chassi

Assim como a Frontier, a Alaskan terá chassi reforçado, quatro vezes mais durável, ao mesmo tempo em que é mais leve e eficiente. Com oito barras transversais, o chassi conta outro sobreposto por dentro com soldas contínuas, solução chamada de duplo “C”.

Desenho

O desenho da picape é muito próximo ao da Nissan Frontier, o que muda é a dianteira segue a identidade visual da marca francesa. A traseira é praticamente idêntica, o que difere são as lanternas com novos elementos. A Alaskan tem 5,25 m de comprimento, 1,75 m de altura e 1,85 m de largura total.

Equipamentos

Entre os equipamentos que deverão ser ofertados na picape estão o controle automático de descida (HDC) e o sistema de auxílio de partida em rampa (HSA).  A picape também contará com limitador de carga e ajuste de altura para os dois cintos de segurança da frente, luz de freio de LED (CHMSL), sensor de estacionamento, entre outros itens.

Segurança

No quesito segurança, a Alaskan deverá contar com o sistema Vehicle Dinamic Control (VDC), que reúne os sistemas eletrônicos de controle de estabilidade de tração para dar ainda mais tranquilidade e segurança à condução do utilitário.

Ainda fazem parte do pacote airbags frontais, cintos de segurança de três pontos, trava de segurança para crianças nas portas traseiras e alarme com imobilizador.

Fotos | Sergio Cutuli/Cosas de Auto