A Nissan não perdeu tempo e atualizou a Frontier para 2016, visando melhorar a relação custo-benefício do modelo a a tornar mais atrativa ao consumidor. No mesmo caminho, agora a picape passa a ter disponível câmbio automático na versão SV Attack 4×4 e a opção de central multimídia integrada com sistema de navegação GPS e câmera de ré.

#JuntosPeloMatheus   –  O Autos Segredos convida seus leitores a ajudar o Matheus   –    https://www.facebook.com/juntospelomatheus/timeline

A central multimídia pode ser controlada pelo volante multifuncional e conta com tela de 6,2 polegadas e é capaz de reproduzir áudio e vídeo nos formatos mais usuais, além de slot para CD/DVD e conectividade Bluetooth para reprodução de áudio e função viva-voz para chamadas.

Versão SLA versão mais completa da gama agora conta também com santantônio na carroceria. Todas as versões da picape possuem tração 4×4 com seleção por botão no painel e possibilidade de acionamento a até 80 km/h.

A Nissan Frontier se destaca pelo chassis com alta resistência à torção, estruturado com tubos retangulares em lugar de vigas “U” e com oito travessas de reforço, o que garante um desempenho acima da média no fora-de-estrada e também em pista asfaltada.

O motor é a terceira geração do 2,5 litros turbodiesel de 190 cv e, além da caixa automática de cinco velocidades, é possível adquirir a Frontier com uma caixa mecânica de seis marchas. Já vem equipada de série com ABS e EBD, airbags, retrovisores elétricos, direção hidráulica e regulagem de altura do volante, além de travas e vidros elétricos e computador de bordo.

Versão SV AttackFotos| Nissan/Divulgação