Jag_FPACE_Cold_Test_Image_290715_05_(113890)_O Grupo Jaguar Land Rover irá revelar em setembro durante o Salão de Frankfurt o crossosver  F-PACE. O modelo que será vendido em todo o mundo a partir de 2016 finaliza seus testes de durabilidade em temperaturas que variam entre -40°C a +50°C. O veículo é o primeiro do gênero produzido em toda a história da marca.


Jag_FPACE_Cold_Test_Image_290715_03_(113895)_Segundo o fabricante o modelo é testado nas condições mais extremas para garantir que todos os seus sistemas e tecnologias funcionem perfeitamente. O  F-PACE foi submetido a um dos mais exigentes programas de testes já implementados pela Jaguar Land Rover.

O  F-PACE foi testado no centro de testes da Jaguar Land Rover localizado em Arjeplog, cidade ao norte da Suécia, as temperaturas médias durante o inverno raramente ficam acima dos -15°C, podendo atingir picos de 40°C negativos. Lá a marca conta com uma pista de 60km construída com diversos obstáculos como subidas de montanha, inclinações, retas para testes em alta velocidade e situações off-road. Ainda segundo o fabricante, os obstáculos são ideais para se chegar ao ajuste perfeito de sistemas como tração nas quatro rodas, controle dinâmico de estabilidade e do revolucionário programa All Surface Progress Control.

Jag_FPACE_Hot_Test_Image_290715_03_(113893)_O modelo também foi testado no deserto de Dubai onde as temperaturas podem facilmente ultrapassar os 50°C na sombra. Com a luz solar atingindo diretamente o veículo, as temperaturas da cabine podem chegar perto dos 70°C em situações extremas. Mesmo nessas condições, todos os sistemas de entretenimento, as telas sensíveis ao toque e os controles de temperatura funcionarão perfeitamente, em condições de calor e humidade.

Jag_FPACE_Hot_Test_Image_290715_01_(113889)_O ciclo de testes do crossover em Dubai tem o objetivo de aprimorar os sistemas de refrigeração do veículo sob carga muito alta, por meio de uma combinação de alta temperatura ambiente e baixo fluxo de ar.

O F-PACE também foi testado em estradas montanhosas e de cascalho.

Fotos | Jaguar/Divulgação