Enquanto iniciava a produção dos motores para a nova geração da Ranger, a Ford Argentina divulgou uma nota onde aponta o fim da comercialização da picape F-100, por aqui chamada de F-250.

O lançamento da Ranger seria um dos motivos do fim da linha F-. O F-4000, que corresponde à maior parcela de vendas poderá ser substituído por novas versões do Transit, que logo deixará de vir da Turquia para ser fabricado no Brasil ou na Argentina.

Outro fato importante: o motor MaxPower 3.9 de 203 cavalos hoje atende às nomas Euro3, mas não as Euro5 que entrarão em vigor em 2012, ao contrário do potente motor 3.2 turbodiesel com 200 cv, mais eficiente e econômico.

Fonte | Argentina Autoblog, TranspoOnline

Acompanhe também o Auto Segredos pelo Twitter