Clássicos com Boris Feldman é a coluna nova do Auto Papo, que estreia hoje em grande estilo com a história do Fiat Mefistófele. O clássico da vez bateu o recorde mundial de velocidade em 1924. Construído em 1908, o modelo foi turbinado na Inglaterra para alcançar a potência de 320 cv.  A cavalaria exagerada gerou o apelido endiabrado. Boris foi a Itália e dirigiu esse esportivo nem um pouco bento.

Foto | Fiat/Divulgação