Foi em 1998 que a Volkswagen lançou o New Beetle, um Golf com carroceria que deveria remeter ao Fusca, o carro mais importante da marca. Até deu certo, mesmo sendo um tanto lúdica a semelhança. O tempo passou – e muito! – para o modelo. Agora a segunda geração é apresentada mais parecido com o Fusca original, maior, mais esportivo e, principalmente, mais macho! Pode se dizer que ainda assim, ele não tem tanto apelo retrô.

Claro que ele não será tratado como “New New Beetle”. Agora é apenas Beetle,. O efeito de ser maior e, 15,2cm no comprimento, 8,4cm na largura e de estar 1,2cm mais baixo é visto no visual, que mistura as linhas quadradas do atual estilo de design da marca, com as características formas arredondadas do modelo. Ainda que com o teto mais baixo. o fato de ele estar mais plano permite uma melhor acomodação dos passageiros no banco traseiro, e o perfil passou a lembrar bastante o Fusca.

O para-choque que segue o estilo de outros carros da marca – lembrando um pouco o para-choque de metal do Fusca –, enquanto os faróis redondos bi-xênon destacam o carro, enquanto os LEDs opcionais incrementam a esportividade. As lanternas traseiras, perdem a forma circular e o aerofólio (de série nas versões mais potentes) dão um “ar” de Porsche ao Beetle. No exterior, tudo bem legal, bem esportivo. Por dentro o que se vê é um painel Volkswagen legítimo, sóbrio. Pelo menos não tem um vazinho de flores!

No que diz respeito aos motores, estarão disponíveis os TSI 1.2 de 105 cavalos; 1.4 de 160cv e 2.0 de 200cv, além dos Diesel TDI 1.6 de 105 ou 2.0 de 140 cavalos. A todos está disponível o câmbio DSG, de dupla embreagem, com 6 marchas. Por enquanto, nenhum sinal de sua chegada ao Brasil, nem do 2.0 8v de 120cv, este sim, definitivamente, retrô!

Fonte e fotos | Volkswagen

Acompanhe também o Auto Segredos pelo Twitter