O Porsche 911 é um dos maiores ícones da indústria automobilística mundial. Fiel aos princípios que fizeram a fama do esportivo, o fabricante sempre manteve a essência do projeto original, concebido na década de 1960, apesar de ter promovido sucessivas e profundas reformulações. Agora, a nova geração do modelo novamente adota a fórmula de honrar as origens: foi totalmente remodelado, mas muitas pessoas podem ter até dificuldade em notar as alterações visuais.

As fotos da nova geração do Porsche 911 foram antecipadas ao lançamento oficial, marcado para o Salão de Frankfurt, em Setembro. Externamente, o esportivo exibe novas luzes de LEDs e entradas de ar remodeladas. Na traseira, as mudanças são muito mais evidentes, com lanternas afiladas e grelha pronunciada. A carroceria cresceu 5,6 cm no comprimento e 1,0 cm na distância entre-eixos.

O interior do 911 também passou por alterações bastante perceptíveis. O aspecto assemelha-se ao do irmão Panamera, com console destacado, alavanca de câmbio mais próxima do volante e sistema multimídia, que inclui tela sensível ao toque. Mas alguns detalhes marcantes foram mantidos, como o conta-giros em destaque no centro do quadro de instrumentos.

Muitas melhorias foram introduzidas na parte mecânica. O 911 Carrera agora dispõe de 350 cv, produzidos por um motor seis cilindros aspirado 3.4 com injeção direta. No Carrera S, a potência é de 400 cv, graças à cilindrada maior, de 3.8 litros. O câmbio pode ser manual com nada menos que sete velocidades ou o automatizado de dupla embreagem PDK. Além de melhor desempenho a marca alemã promete redução tanto de consumo quanto de emissões de poluentes.

Fotos | Porsche/Divulgação

Acompanhe também o Auto Segredos pelo Twitter