Depois de ser lançado em países asiáticos, o Hyundai Azera finalmente foi apresentado aos consumidores ocidentais, durante o Salão do Automóvel de Los Angeles. As linhas do sedã seguem o estilo batizado de “Escultura Fluida”, com muitos vincos e conjunto óptico espichado. Apesar das profundas mudanças, alguns elementos de estilo da geração anterior foram mantidos, como a terceira janela lateral e as lanternas unidas por uma régua.

O motor V6 manteve a cilindrada de 3.3 litros, mas incorporou injeção direta e passou a gerar 297 cv de potência e 35,2 mkgf de torque. O propulsor dispõe da função eco-mode, que modifica eletronicamente a alimentação de combustível para obtenção de melhores índices de consumo e emissões de poluentes. O câmbio é automático de seis velocidades. A plataforma é compartilhada com o primo Kia Cadenza; até a distância entre-eixos, de 2,844 metros, é igual nos dois veículos.

Em relação aos equipamentos, a nova geração do Azera oferece controles eletrônicos de tração e estabilidade, bancos térmicos revestidos em couro, ar condicionado com ajustes individuais, rodas aro 18” e sistema multimídia com GPS e câmera de ré, operado por uma tela touch-screen.

As vendas nos mercados norte-americano e europeu começarão em 2012. Por aqui, as primeiras unidades também deverão ser entregues no ano que vem. A tabela oficial de preços, tanto lá quanto aqui, ainda não foi revelada.


Fotos | Hyundai/Divulgação

Acompanhe também o Auto Segredos pelo Twitter