Substituto do velho CLC, aquele cupê que era fabricado em Juiz de Fora (MG), o Mercedes Classe C Coupé era vendido no Brasil desde 2011 apenas na versão C180 com 156 cavalos ou C63 AMG, com 451 cavalos. Agora a Marcedes escalou a versão C250 para o meio de campo.

O C250 é equipado com motor 1.8 Turbo e injeção direta de combustível que gera 204 cv e 310 Nm de torque. O câmbio é o 7G-TRONIC PLUS, automático de sete marchas. Com 1.550 kg, o cupê acelera de 0 a 100 km/h em 7,2 segundos e alcança a velocidade máxima de 240 km/h, limitada eletronicamente.

Pelo valor inicial de R$ 189.900, o modelo conta com uma ampla lista de equipamentos de segurança, na qual estão contidos: airbags frontais, laterais e de cortina, freios adaptativos (ABR), controle eletrônico de estabilidade (ESP), distribuição de força de frenagem eletrônica (EBD), freios antiblocantes (ABS), controle de tração (ASR), tração eletrônica (ETS), assistente de freio (BAS) e assistente de partida na subida (HSA).

No que diz respeito a equipamentos, o C250 dispõe de volante multifuncional, sistema multimídia COMAND Online com tela touch screen e GPS, DVD player compatível com MP3/WMA/AAC, interface USB e conectividade Bluetooth. Há ainda bancos dianteiros com ajuste elétrico de altura e o do motorista com memória e teto solar elétrico panorâmico.

As unidades importadas para o Brasil ainda contam com kit visual AMG e rodas de liga leve AMG aro 17″, com cinco raios duplos.

Fotos | Mercedes-Benz/Divulgação