A Fiat divulgou as primeiras imagens oficiais do interior do Freemont. Assim como acontece no exterior do veículo, a maior diferença em relação ao Dodge Journey é a aplicação do emblema da marca italiana no centro do volante. O fabricante anuncia também revestimentos exclusivos, um novo sistema multimídia com tela sensível ao toque e monitoramento eletrônico da pressão dos pneus.

As semelhanças com o modelo norte-americano continuam na mecânica. O Freemont será oferecido inicialmente apenas com o propulsor V6 3.6 de 276 cavalos à gasolina, produzido pela Chrysler, mas a Fiat promete disponibilizar um motor 2.0 à diesel em breve.

Graças à aplicação de recursos eletrônicos, que funcionam em conjuntamente a um turbocompressor, a versão mais potente renderá 170 cv, contra 140 cv na configuração básica. Em princípio, câmbio automático e tração integral não estarão ao alcance dos consumidores europeus. O Freemont será produzido no México, e poderá vir para o Brasil com preços competitivos.

Fotos: Fiat/Divulgação

Acompanhe também o Auto Segredos pelo Twitter

Compra coletiva de carros, produtos e serviços automotivos? Acesse: