Em março, durante o Salão do Automóvel de Genebra, a Chevrolet revelou ao mundo a versão Wagon do Cruze. O novo membro da família chamou atenção não apenas pelo volume adicional na traseira, mas também pelo visual dianteiro inédito, com um para-choque ligeiramente diferente daquele que equipa as versões hatch e sedã. Pois bem, três meses depois de estrear na perua, o face-lift chega à linha 2013 dos demais modelos. O fabricante revelou as primeiras fotos oficiais na Coreia do Sul, onde foi desenvolvido o projeto do Cruze.

As mudanças são superficiais e bastante discretas, restringindo-se a para-choques e rodas . Na dianteira, há mais cromados, grades filetadas, entradas de ar com formado levemente alterado e molduras mais arredondadas em torno dos faróis de neblina. A paleta de cores também foi alterada e ganhou mais opções.

No interior, a Chevrolet mexeu na seção central do painel, que ganhou novos difusores de ar e um sistema multimídia aprimorado, denominado MyLink. O sistema MyLink é operado por meio de uma tela sensível ao toque e agrega novos recursos, como câmera de ré, navegador GPS mais eficiente e aparelho de som com melhor fidelidade.

A Chevrolet aproveitou para anunciar um novo propulsor para o Cruze. Toda a linha passa a contar com um 1.7 VCDi, capaz de render 132 cv e emitir apenas 119 gramas de CO2 por quilômetro. A primeira aparição pública do Cruze 2013 está prevista para ocorrer em setembro, durante o Salão do Automóvel de Paris.

Não há qualquer informação sobre a aplicação do face-lift asiático ao Cruze nacional. O modelo comercializado aqui seguirá sem alterações por mais algum tempo. Mas a tendência natural é de que os retoques acabem chegando ao Brasil, mais cedo ou mais tarde. Estamos de olho…

Assista aos vídeos publicitários do modelo na Coreia do Sul:

Fotos e vídeos | Chevrolet/Divulgação

Acompanhe também o Auto Segredos pelo Twitter